Calendário PIS 2020 – Veja quando sacar!

É fundamental que os trabalhadores que tenham carteira assinada estejam atentos ao calendário PIS 2020. Isso porque as datas com todos os períodos de retirada do benefício já foram estabelecidas.

De fato, acompanhar a tabela e calendário com as datas é importante para que não se perca o período da retirada do recurso. Ademais, é preciso que se observem também as regras do PIS 2020.

Com o intuito de falar mais sobre esse assunto, explicamos o funcionamento desse programa e as datas definidas da liberação dos valores. Mostramos ainda como é possível efetuar o saque e a consulta do valor. Confira

Calendário PIS 2020 – Tabela de Pagamento

Uma das principais regras do PIS PASEP diz respeito ao acompanhamento dos períodos da retirada do benefício.

Esses dados podem ser obtidos na tabela disponibilizada pelo Ministério do Trabalho em conjunto com a Caixa Econômica.

Nela, o trabalhador pode verificar a data do saque do seu PIS de acordo com sua data de nascimento.

Datas de pagamento do PIS 2020

De fato, a tabela especifica um período que pode variar entre um ano e pouco de mais de quatro meses a fim de que o trabalhador faça o saque.

Mas como saber qual será a época determinada em cada caso? Isso pode ser verificado a partir da data de nascimento do trabalhador. Por isso, a data pode variar de pessoa para pessoa.

Assim, para os nascidos em julho, o calendário PIS determina que o benefício já pode ser retirado a partir do dia 25/07/2019, podendo ser sacado até 30/06/2020.

Para os nascidos em agosto, o período de saque é de 15/08/2019 até 30/06/2020.

De acordo com o calendário PIS, os nascidos entre os meses de janeiro a junho somente poderão usufruir do benefício a partir de 2020.

Calendário PIS 2020

Como funciona o Calendário PIS?

O Programa de Integração Social foi criado ainda no ano de 1970 e tem como principal finalidade dá maior participação do trabalhador no desenvolvimento das empresas.

Em outras palavras, trata-se de uma forma de distribuir a riqueza gerada. Com isso, tem-se também um impulso ao aquecimento da economia, na medida em que a renda extra gera mais consumo.

Contudo, é preciso sublinhar que as regras do PIS são aplicáveis somente aos trabalhadores da iniciativa privada mediante vínculo empregatício registrado na CTPS.

Diferentemente, os servidores públicos devem receber um abono semelhante mediante o PASEP.

Novas regras do PIS 2020

Além de ter que observar atentamente o calendário PIS 2020, o trabalhador deve ainda atentar para as novas regras do PIS PASEP.

Realmente, essas regras passaram por alterações a partir de 2015. Abaixo, listamos as principais mudanças.

  • Antes de qualquer coisa, é necessário que o trabalhador não receba mais do que dois salários mínimos mensais;
  • É obrigatório também que ele tenha trabalhado pelo menos 30 dias com a CTPS assinada no ano base;
  • O cálculo do PIS passa a ser baseado no tempo de serviço do empregado, podendo variar a cada caso.

Consultar o PIS 2020

O PIS pode ser consultado facilmente por meio do site da Caixa. Em seguida, deve-se informar o número, constante na carteira de trabalho.

Após isso, é necessário criar uma senha de login e digitar alguns caracteres que devem aparecer na tela. Por fim, clica-se em “ok”.
Ademais, a consulta também pode ser feita pelo telefone, mediante o número 0800 725 0505.

Outra forma de se fazer isso é baixando o aplicativo Caixa Trabalhador. Para acessá-lo, é preciso apenas informar o NIS.

Finalmente, uma última alternativa possível é fazer a consulta em uma das agências da Caixa Econômica.

DICA: Veja como tirar o Extrato do PIS!

Valor de saque no Calendário PIS 2020

Conforme já mencionamos, o valor do PIS é calculado de acordo com o tempo de serviço do trabalhador.

Ainda que o valor total do benefício seja um salário mínimo completo, o valor efetivamente recebido pode variar. Isso porque cada mês trabalhado de carteira assinada corresponde a 1/12 de um salário completo.

Só para exemplificar, se um funcionário trabalha entre 30 e 44 dias ele deverá receber R$ 80, o que corresponde a 1/12 do salário mínimo, conforme calendário.

Confira a Tabela PIS 2020 completa aqui!

Um Recurso Importante ao Trabalhador e à Economia

Assim, podemos concluir que esse benefício permite não somente que o trabalhador realize seus planos e pague suas dívidas. Ele permite também que a economia gire e faça a demanda por serviços e produtos crescer.

No entanto, para que o trabalhador possa usufruir desse recurso, ele deve estar atento ao calendário PIS 2020 e não perder as datas de saque.

E você, já sabe o que fará com o seu PIS? Já tinha conhecimento das novas regras adotadas a partir de 2015? Comente!

Avalie esta matéria 🙂

Clique nas estrelas para avaliar

Classificação média: / 5. Contagem:

Categorias PIS 2020